Aumentam repasses de IPVA e ICMS para São Mateus do Sul

13 de maio de 2016

Município recebeu R$ 4,2 milhões em IPVA no primeiro quadrimestre deste ano, quase o equivalente ao que foi arrecadado durante todo o ano de 2015

 

DSC_0377Foto: jornal ACONTECEU

 

Apesar do cenário econômico atual, os municípios paranaenses tiveram acréscimo em duas fontes importantes de recursos. As transferências de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) e do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) aumentaram significativamente no primeiro quadrimestre de 2016, conforme informações do governo do Estado. Em São Mateus do Sul o arrecadado do IPVA quase dobrou, em relação ao mesmo período do ano passado.

Os dados das transferências para o município mostram que o acumulado dos quatro primeiros meses do ano saltou de R$ 2,5 milhões em 2015 para R$ 4,2 milhões em 2016, um aumento de 40%. Somente o primeiro quadrimestre deste ano já representa quase tudo que foi arrecadado em IPVA ao longo de 2015 (R$ 4,8 milhões).

No ICMS, a diferença foi mais sutil, mas também positiva. O repasse líquido, já deduzindo os 20% do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb), chegou a R$ 6,9 milhões de janeiro a abril deste ano, contra R$ 6,2 milhões no mesmo período de 2015.

 

Paraná

A nível de estado, as transferências de ICMS tiveram aumento de 8,3% no quadrimestre. Passaram de R$ 1,93 bilhão de janeiro a abril de 2015 para R$ 2,1 bilhões nos primeiros quatro meses de 2016. No caso do IPVA, as transferências passaram de R$ 732,2 milhões no primeiro quadrimestre do ano passado para R$ 1,28 bilhão no atual exercício.

O repasse de ICMS é feito semanalmente e refere-se a 25% do que é arrecadado pelo Estado com o imposto. A transferência do IPVA é feita diariamente e os municípios ficam com a metade do valor pago pelos donos de veículos emplacados no local.

Comentários