Mulher é assassinada a facadas pelo ex-companheiro dentro de escritório comercial

29 de fevereiro de 2016

12810246_1064958296880278_135458600_oFoto: jornal ACONTECEU

 

Cleomara Aparecida Sorotenik Pereira, de 28 anos, foi assassinada a facadas, por volta das 16h desta segunda-feira (29), pelo ex-companheiro Joaquim Eduardo Pugsley Fonseca Junior, vulgo “Chupim”, de 27 anos.

Segundo a polícia, ela havia acabado de sair da delegacia, a poucos metros da cena do crime, onde foi prestar queixa contra o ex-companheiro, que a ameaçava. Ela aguardava a emissão da medida protetiva que já havia solicitado na semana passada. Ao sair da delegacia, a vítima se dirigiu até o Posto Castrovel, para abastecer seu carro. No estabelecimento, percebeu que Joaquim estava atrás dela e correu em direção à loja de veículos da mesma empresa, do outro lado da rua, e entrou no escritório. Joaquim entrou em seguida e cometeu o crime.

Até o fechamento desta matéria, o corpo permanecia no local, isolado, para a chegada da perícia da Polícia Civil e posterior liberação para o Intituto Médico Legal (IML).

Joaquim já havia sido acionado por outra companheira pela Lei Maria da Penha. Após cometer o crime, fugiu, supostamente com o carro da vítima, e não foi encontrado até o momento.

 

Untitled-1

 

Vítima já havia solicitado medida protetiva contra Joaquim, que demonstrava, pelas redes sociais, que não queria desistir da ex (foto: reprodução Facebook)

Comentários