Vereadores pedem manutenções de estradas

26 de fevereiro de 2016

Sessão da semana ainda teve a presença do professor e escritor Eddie Gonçalves da Silva Netto, que lança novos livros

 

DSC_0526Foto: jornal ACONTECEU

 

Diversas indicações de manutenção de estradas rurais foram apresentadas e aprovadas na sessão de segunda-feira (22) da Câmara Municipal de São Mateus do Sul. Semelhante à pauta da semana passada, a sessão não teve apresentação de projetos de lei, mas requerimentos e indicações, todos aprovados.

Entre os requerimentos, modificação ou construção de nova entrada para o cemitério da Colônia Taquaral (Mário Stuski); pedido de esclarecimentos aos Correios para a não entrega de correspondências do Parque das Tamareiras; relação de contratos de 2015 ainda não pagos pela Prefeitura; relação de reclamações contra funcionários públicos protocoladas na Procuradoria; e verificação para possível retirada de adicional de periculosidade dos vencimentos dos vigias (Márcio Antonio de Lima Barbosa, o Cabo Lima).

Entre as indicações: manutenção de estrada do Pontilhão e Barra do Potinga, manutenção de estrada da comunidade do Faxinal dos Ilhéus e Taquaral, instalação de redutor de velocidade na rua Bernardo Amaral Wolff, construção de calçada ao redor da Escola Municipal Orlanda Distéfano, manutenção da estrada da Imbuiona; e manutenção da estrada da região da Tesoura, Cambará, Mico Magro e Aliança (Cabo Lima); manutenção de estrada no Faxinal dos Ilhéus (Paulo Ferreira); manutenção de estrada entre a Igreja da Água Branca até o Taquaral do Bugre (Mário Stuski); indicação do nome de Roberto Paulo Guimarães como homenagem em futuro patrimônio público, prédio ou rua (Luiz Cesar Pabis); construção de ponte em Faxinal dos Ilhéus e Olho D’água e manutenção a estrada (Mário Stuski e Cabo Lima); e manutenção da estrada da Vargem Grande (Antonio Wilson Waligurski, o Bira).

 

Escritor marca presença

 

Ao final das votações, o professor Eddie Gonçalves da Silva Netto foi convidado a falar sobre os dois livros que está lançando — “O evangelista” e ‘Deus está vivo” — escritos originalmente a caneta pena e com o manuscrito reproduzido na impressão. As obras tratam das histórias de um evangelista, e já estão presentes nas bienais de São Paulo e de Belo Horizonte, e também à venda em redes de livrarias. Segundo o autor, procuram despertar as pessoas para cuidar de sua fé.

O lançamento em São Mateus do Sul acontece no dia 5 de março, às 14h, na Livraria Toca do Coelho (rua 21 de Setembro nº 630).

Comentários

Leia também:

dsc_0296

As últimas impressões de Ledur

23 de dezembro de 2016