São Mateus do Sul terá quatro candidatos a prefeito

05 de agosto de 2016

Clóvis Distéfano, Hemerson Baptista, Luiz Adyr e Tiquinho vão concorrer à Prefeitura da capital do xisto

 

Sem-Título-2

 

Após uma semana agitada no meio político são-mateuense, o término das convenções partidárias definiu as alianças, bem como os nomes que vão concorrer à Prefeitura de São Mateus do Sul. Dos nove políticos que se declararam pré-candidatos a prefeito ao longo do ano, quatro confirmaram candidatura: Clóvis Distéfano (PSC), Hemerson Baptista (PC do B), Luiz Adyr Gonçalves Pereira (PSDB) e Francisco Luiz Ulbrich, o Tiquinho (PMDB).

A primeira convenção realizada em São Mateus do Sul, no dia 23 de julho, definiu uma nova candidatura de Luiz Adyr, tendo como vice José Stuski. A coligação inclui PSDB, PMB, PSD, DEM, PHS, PRB, PSDC, PT do B, PROS e Solidariedade.

Na quarta-feira (3), foi a vez da convenção do PMDB, que lançou o também ex-prefeito Tiquinho como candidato e Adão Staniszewski como vice. O grupo conta com PSB, PSL, PV, PTB, PR, PTN, PEN, Rede, PDT (partido de Omar Picheth, que já havia declarado estar fora da disputa) e PT, que acabou abrindo mão de lançar Luiz Cesar Pabis.

O atual vice-prefeito Clóvis Distéfano confirmou candidatura em convenção na quinta-feira (4), e tem como vice o atual presidente da Câmara Municipal, Enéas Melnisk (PPS). Não há mais partidos coligados.

Também em convenção na quinta-feira, o PC do B lançou Hemerson Baptista como candidato a prefeito e Cristiano Sabchuk a vice, sem coligação. O registro deve acontecer hoje, sexta-feira (5).

O PP acabou decidindo apoiar Luiz Adyr, mas Telma Staniszewski, que desconsiderou a candidatura, declarou que está saindo do partido e que não apoiará nenhum candidato.

 

Comentários

Leia também:

dsc_0296

As últimas impressões de Ledur

23 de dezembro de 2016