ELEIÇÕES 2016 – Renovação marca eleitos à Câmara são-mateuense

05 de outubro de 2016

Apenas dois vereadores foram reeleitos neste pleito

 

dsc_0824

 

Uma significativa renovação marcou os resultados da eleição para vereadores em São Mateus do Sul. Dos novos ocupantes das nove cadeiras da Câmara Municipal, apenas dois são vereadores reeleitos.

Um deles é Omar Picheth (PDT), campeão de votos com 1385 no total. O outro, Geraldinho (SD), que garantiu a sexta melhor votação, com 926 votos. Entre as novidades deste pleito, estiveram Fernanda Sardanha (PSC), Doutor Eduardo (PSDB) e Professora Marta (PR), que logo na primeira candidatura figuraram entre os favoritos na eleição, fato comprovado nas urnas, com 1.247, 1.071 e 990 votos, respectivamente. O veterinário Miguel (PSDB) também foi novidade e surpreendeu nos resultados, garantindo 746 votos. A nova legislatura se completa com Nereu Dal Lago (PSDB), que já foi vereador e obteve agora 970 votos; e com os dois suplentes da eleição passada, Val Guimarães (PSD), que conquistou 621 votos; e Julio Balkowski (PSC), que fez 561 votos.

A maioria dos novos vereadores pertence ao partido ou é coligado à chapa do novo prefeito eleito, Luiz Adyr.

 

Suplentes

Da coligação REDE/PDT/PT/PSB/PR, que elegeu Omar Picheth e Professora Marta, os dois primeiros suplentes são Edu da Rádio e Luiz Cesar Pabis. Da coligação PSC/PPS, que elegeu Fernanda Sardanha e Julio Balkowski, os primeiros suplentes são Valter Prziwitowski e Ervino Juninho. Da coligação PSDC/PTdoB/PROS/SD, que elegeu Geraldinho, os primeiros suplentes são Irineu Macuco e Osvaldo Kotryk. Da coligação PSDB/PMB/DEM/PRB, que elegeu Doutor Eduardo, Nereu Dal-Lago e Miguel Veterinário, são os primeiros suplentes Jackson Machado, Gordya e Manoel Ferretto. Por fim, da coligação PSD/PHS/PP, que elegeu Val Guimarães, os primeiros suplentes são Ademar Przywitowski e Oswaldo Soares Ferreira.

 

Aumenta presença feminina na Câmara

Uma das diferenças da nova legislatura em São Mateus do Sul em relação à atual é a presença feminina na Câmara, que passará a contar com duas vereadoras. Agora, além de eleitas, Fernanda Sardanha (PSC) e Professora Marta (PR) estiveram entre os quatro mais votados nesta eleição.

Na legislatura 2013-2016, a Câmara foi formada apenas por homens ao longo de quase todo o mandato. Somente em 2013, com a saída do atual presidente da Câmara Enéas Melnisk para ocupar um cargo de secretário, é que a suplente Rita Fayad assumiu e legislou por um ano.

Apesar de o número de eleitores homens e mulheres ser praticamente o mesmo em São Mateus do Sul nas eleições de 2016, as mulheres representaram apenas 31% dos 104 candidatos. A eleição de duas vereadoras, no entanto, foi na contramão dos últimos 12 anos — desde a legislatura 2001-2004 que duas ou mais mulheres não assumiam uma cadeira na Câmara. As últimas foram Adelaide Minervini e Vera Ferreira.

Em sua primeira candidatura à Câmara, Fernanda Sardanha logo fez a segunda maior votação, com 1.247 votos. Natural de Santa Cecília (SC), ela tem 36 anos e é assistente social. Participou da gestão atual do município como secretária de Saúde, e depois da Casa Civil do governo Ledur, desligando-se da Prefeitura este ano, para candidatar-se a vereadora. Encara, agora, seu futuro mandato como oportunidade de representar diferentes segmentos e encorajar a participação na política junto às comunidades. “Acredito que não é uma conquista individual, mas das mulheres, dos jovens, de diferentes segmentos, que se sintam encorajados a se inserir na política e trabalhar de forma participativa e descentralizada”.

Professora Marta também participou de sua primeira eleição este ano, conquistando 990 votos. Natural de Frederico Westphalen (RS), ela tem 41 anos e é professora de ensino médio. Já há alguns anos, atua como diretora do Colégio Estadual do Campo Professor Eugênio de Almeida, e deve levar a educação como um dos principais nortes do mandato, afirmando ter sido incentivada a entrar na política partidária justamente pelos profissionais da educação. “Foi uma grande surpresa essa eleição, no mínimo, diferente. Acho que as mulheres vão somar bastante na política, e mostrar sua força”.

 

Fluviópolis elege três vereadores

Outro fator que chamou atenção neste pleito foi a eleição de três vereadores do distrito de Fluviópolis. Além da Professora Marta (PR), citada na matéria anterior, Val Guimarães (PSD) e Julio Balkowski (PSC) também representam a localidade.

Val Guimarães é natural de São Mateus do Sul, e tem 46 anos. Julio, por sua vez, também é são-mateuense, tem 53 anos e é agricultor.

 

Fotos: Portal TSE

Comentários

Leia também:

dsc_0296

As últimas impressões de Ledur

23 de dezembro de 2016