Câmara pede posição sobre requerimentos não atendidos ou não justificados

21 de outubro de 2016

Homenagens com denominações de ruas também compuseram a sessão da semana

 

dsc_0069Foto: jornal ACONTECEU

 

Três projetos e dois requerimentos estiveram em pauta na sessão ordinária da Câmara Municipal de São Mateus do Sul da última segunda-feira (17). Por parte do Executivo, aprovação do Programa de Recuperação Fiscal (Refis) 2016. Por parte do Legislativo, denominações de ruas, homenagem ao voluntariado e questionamentos quanto a requerimentos anteriores foram discutidos.

O vereador Manoel Ferretto apresentou os projetos 016 e 017/2016, que propõem denominar duas ruas do Jardim dos Lagos em homenagem a Francisco Kuczera e João Wenglarek Filho. Segundo ele, a indicação veio dos proprietários do loteamento. Os vereadores aprovaram a proposição, com exceção de Luiz Cesar Pabis, que, mantendo posição que já expressou em projetos semelhantes, disse que a forma como a proposta é feita é irregular e precisaria ocorrer por meio de requerimento, conforme informação do jurídico da Câmara.

Em seguida, Pabis apresentou o requerimento 099/2016, que requer a marcação de sessão solene para prestar homenagem ao voluntariado do município.

Por fim, foi aprovado o requerimento 100/2016, do vereador Cabo Lima, pedindo resposta sobre os requerimentos já realizados no ano de 2016 e que ainda não foram atendidos pelo Executivo. O autor reivindica o que foi requerido ou uma justificativa para o não atendimento.

Comentários

Leia também:

dsc_0296

As últimas impressões de Ledur

23 de dezembro de 2016