Câmara concede título de vulto emérito de São Mateus do Sul a voluntária do hospital

05 de dezembro de 2014

Deolinda Maria Maciel e Silva foi homenageada pelos 18 anos dedicados a serviços assistenciais

DSC_1267

A sessão da Câmara de Vereadores desta segunda-feira (1º) foi dedicada exclusivamente para conceder a Deolinda Maria Maciel e Silva o título de vulto emérito de São Mateus do Sul, em gratidão ao trabalho voluntário realizado por ela no Hospital e Maternidade Doutor Paulo Fortes, que já dura 18 anos.

A homenagem surgiu de proposta dos vereadores Omar Picheth e Geraldo de Paula e Silva e foi aprovada por unanimidade pelos demais parlamentares. Aos 74 anos, dona Deolinda, como é conhecida, dirige uma grande equipe que cuida com dedicação de diversos serviços assistenciais junto aos pacientes da entidade, nunca faltado, nessas quase duas décadas.

Na oportunidade, Omar Picheth lembrou do trabalho de dona Deolinda ainda no tempo em que seu pai, Miguel Picheth, presidiu o hospital, e nos períodos em que a entidade passou por diversas dificuldades para manter o bom funcionamento. “É pequena no tamanho, e grande na sua obra, muito valiosa”, brincou, na ocasião.

Deolinda, por sua vez, agradeceu a parceria e compreensão de todos os voluntários e familiares na dedicação a esse trabalho. “Sinto-me uma vitoriosa, e procuro sempre lembrar da humildade, de dar mais do que receber, e é assim que sigo na vida. Peço muito a Deus apenas saúde, para continuar esse trabalho que tanto amo”.

Fotos: jornal ACONTECEU

DSC_1281

Comentários

Leia também:

dsc_0296

As últimas impressões de Ledur

23 de dezembro de 2016