Projeto Saberes e Sabores do Campo capacita mais de 250 pessoas em agricultura familiar

26 de fevereiro de 2016

Processamento de alimentos, empreendedorismo rural e geração de renda, entre outros, foram foco do trabalho que completou 1 ano

 

Arquivo-CFR

 

Divulgação CFR

Durante o ano de 2015, a Casa Familiar Rural de São Mateus do Sul, com o patrocínio da Petrobras e Governo Federal, capacitou 266 pessoas da agricultura familiar da região em processamento de alimentos em Agroindústria Familiar, empreendedorismo rural, geração de renda e frutíferas nativas, totalizando 160 horas de formação prática e teórica.

Além das capacitações, os jovens e suas famílias tiveram a oportunidades de conhecer agroindústrias familiares da região, com o objetivo de melhorar a qualidade de vida nas propriedades, o que possibilitou uma grande troca de experiências entre as famílias.

Segundo Vilmari Rosemari Bianek, mãe da jovem Heloíse Bianek, o projeto está melhorando a vida de sua família. “Ensinei minhas filhas a fazer o processamento das frutas com o que temos em casa e agora nos reunimos mais vezes para fazermos juntas, e isso para mim tem não tem preço”. De acordo com Vilmari, a troca de experiência com as famílias que também participam dos cursos é bastante proveitosa e o que ela aprendeu está contribuindo na renda familiar.

Sendo assim, a Casa Familiar Rural de São Mateus do Sul, além de desempenhar sua função pedagógica, tornou-se um instrumento essencial na produção de alimentos orgânicos. As aulas são organizadas visando integrar a teoria e a prática, a qual exerce um papel fundamental para a aquisição destes conhecimentos.

Para 2016, o projeto Saberes e Sabores do Campo prevê a realização de novas capacitações. Os interessados podem entrar em contato com a Casa Familiar Rural pelo telefone 42 8815 9717 ou na sede localizada na Colônia Taquaral.

Comentários