Amantes da Leitura: Compartilhando o prazer de descobrir boas histórias

06 de novembro de 2015

Grupo que se iniciou pelas redes sociais ganha proporção estimulando o interesse pelos livros

 

856amantes-1Foto: Arquivo do grupo

 

O princípio de reunir pessoas em torno de um interesse em comum ganhou uma proporção inesperada para um grupo que tem nas palavras, frases e versos uma paixão. O gosto por ler e viajar nas histórias despertou em alguns são-mateuenses a ideia de criar um grupo que pudesse trocar ideias, dicas, debater e promover ações em torno da leitura. Depois de quase um ano desde o pontapé inicial, os Amantes da Leitura já somam cerca de 90 pessoas.

A ideia surgiu em dezembro de 2014 com perto de dez pessoas. Foi uma iniciativa de Silvana Bernardi, que procurou reunir gente que tem o hábito da leitura para proporcionar justamente essa troca de experiência sobre livros e temas correlatos. Relacionando-se diariamente pelo Facebook e Whatsapp, os integrantes — não mais apenas são-mateuenses, mas também interessados de outras cidades paranaenses e catarinenses — tecem comentários e indicações de livros e também lançam temas para serem discutidos, gerando diversas reflexões.

“O grupo é uma troca diária de conhecimento”, resume Jamily Aparecida Pinheiro, leitora e participante assídua desde o início do grupo, que se encantou pela interação proporcionada. “É um local para conversas e para aproximar as pessoas que têm esse gosto em comum. Nesta troca de informação, ainda se aprende a apreciar o que os outros gostam também”.

Alessandra Regina Polati compartilha da mesma opinião, pelo fomento à amizade e cultura. “Temos bastante informação de diferentes idades. A gente vê ideias e gostos diferentes e acaba aprendendo muito, além de se interessar por gêneros literários que inicialmente não gostávamos”, comenta.

Recentemente, o grupo foi para além das interações online e proporcionou uma ação solidária. Os Amantes da Leitura arrecadaram livros e distribuíram para alunos da escola da vila Palmeirinha, pelo Dia das Crianças (foto). A receptividade dos pequenos com a literatura e com o gesto dos voluntários despertou a vontade de fazer mais. Segundo Silvana, outros projetos já estão sendo elaborados, visando levar o prazer da leitura para diversos lugares, como asilos, orfanatos e creches, além de intervenções em locais públicos. A tendência é crescer e realizar cada vez mais pela cultura. “Cada um, com uma pequena, média ou grande participação, faz uma diferença enorme no grupo e nas ações que pretendemos realizar pela leitura e pela cultura”, incentiva.

Os novos participantes do grupo geralmente são convidados por indicação dos próprios membros, a quem são solicitados apenas a doação de um livro, que vai para os sorteios que acontecem internamente. Um pouco das atividades do grupo pode ser conferido na página do Amantes da Leitura no Facebook.

Comentários