Complicações não esperadas

13 de março de 2015

No momento da descoberta da gravidez, geralmente sonhos e incertezas se misturam. Num turbilhão de emoções. Dois corações batendo em um corpo frágil e ao mesmo tempo forte.

O Brasil registra cerca de 3,5 milhões de mulheres grávidas por ano. Dessas, 20% buscam atendimento de emergência no primeiro trimestre da gestação e 15% ficam grávidas após 35 anos de idade, segundo a Federação Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia (Febrasgo).

A gravidez é uma caixinha de surpresas, nunca a subestime. Claro, não é uma doença, mas a qualquer momento tudo pode mudar e o que era branco pode ficar cinza e até mesmo preto.

Já atendi várias mulheres em emergência e digo a vocês que, se elas não tivessem ido ao hospital,  muitas teriam sucumbido à desgraça, e como dizia um professor, “maison est tombée” (a casa caiu).

Muitas pacientes acham lindo terem o parto domiciliar, mas lembrem-se, tudo pode mudar em questão de minutos. Houve um tempo atrás em que muitas mulheres morriam na hora do parto. Cuidado com modismos, com segurança não se brinca.

A australiana defensora dos partos em casa, Caroline Lovell, morreu ao dar à luz a filha. Tinha 36 anos (2012) e faleceu devido a complicações cardíacas que surgiram durante o parto em casa, quando deu à luz a sua segunda filha. Segundo uma das parteiras que atendeu o parto, uma hemorragia teria estado na origem das complicações.

Caroline até havia feito todos os preparativos para ter o parto em casa, mas as complicações não esperadas que ocorreram é que fizeram seu coração parar.

A gente sabe que a maioria das gestantes tem seus filhos sem complicações, mas sempre temos que ter zelo, ficarmos atentos a qualquer sinal de irregularidade e sabermos agir no momento certo, com determinação e segurança em ambiente hospitalar.

Todo prudente procede com conhecimento, mas o insensato espraia a sua loucura. Provérbios 13:16

Cristina Veloso Andreacci
CRM 12570 Titulo de especialista em Ginecologia/Obstetrícia Titulo de especialista em Ultrassom Titulo de especialista em Medicina Fetal Competência pela Fetal Medicine Foundation de Londres Cemmefe.com.br Apoio TV Novo tempo Canal 10 local e Sky 14
cemeffe@gmail.com | http://cemmefe.com.br

Comentários