A crise me inspirou

06 de novembro de 2015

Quando tinha 11 anos, perdemos nosso chão, financeiramente falando. Meu pai sempre sustentou a família sendo corretor de fazendas com seu avião teco-teco. Infelizmente, entrou numa tempestade, onde seu aviãozinho perdeu o controle e bateu de bico no chão.

Depois da morte de meu pai, minha mãe fez vários empréstimos. Infelizmente, na época, minha mãe estava com depressão e muito cansada. Havia uma verdadeira guerra nos preços do café e veio a geada, e o negócio do café veio falência. Foi no ano de 1977. As leis de falência eram muito mais rígidas do que hoje e nós perdemos tudo. Perdemos nossa casa e nosso carro.

Tivemos que fazer as malas e nos mudar. Como na cena de As Vinhas da Ira, de John Ford, em que a família Joad entra em seu Ford Modelo A, rumo à Califórnia, pela Rota 66, procurando por dias melhores após a tempestade de areia Dust Bowl em Oklahoma. Foi assim que nos mudamos para uma casa onde podíamos morar.

Eu era a mais velha de três filhos. Passamos de uma confortável vida de classe média para uma vida de quase miséria. Estávamos financeiramente devastados. Algumas pessoas que ouvem essa história perguntam: Como seis pessoas viveram em uma casinha de um quarto? Não foi fácil, mas demos um jeito. Eu dormia em uma beliche e pela fresta da janela ventava muito. No inverno, era congelante. Meu closet era um prego na parede, onde eu pendurava minhas poucas roupas.

Nunca culpei ninguém por minha situação. Entendia que algumas circunstâncias fogem ao controle de qualquer um. Precisava tomar conta de mim mesmo. Eu tinha dado muito valor a todo o conforto proporcionado por meus pais e, de repente, não tinha mais nada. Prometi a mim mesmo que tomaria as rédeas da minha vida e não deixaria que isso acontecesse comigo novamente..

Essa experiência foi muito inspiradora. Decidi que minha saída era a educação. Formei-me em Medicina e fiz três especialidades.

Agradeço a Deus por ter me ajudado a não desistir e seguir em frente.

Estou hoje uma vez ao mês no Einstein e no ano que vem farei meu upgrade em Harvard Medical School.

Cristina Veloso Andreacci
CRM 12570 Titulo de especialista em Ginecologia/Obstetrícia Titulo de especialista em Ultrassom Titulo de especialista em Medicina Fetal Competência pela Fetal Medicine Foundation de Londres Cemmefe.com.br Apoio TV Novo tempo Canal 10 local e Sky 14
cemeffe@gmail.com | http://cemmefe.com.br

Comentários