Morador procura por mãe biológica

29 de janeiro de 2016

Ademilson manifesta enorme gratidão por família adotiva, mas sempre quis conhecer suas origens

 

1915315_722501594556268_8381693983325487294_nFoto: Arquivo pessoal

 

Ademilson Oroski de Souza, 34 anos, é um rosto até conhecido em São Mateus do Sul pelo seu trabalho como garçom em alguns estabelecimentos locais, mas poucos conheciam sua história até que um vídeo foi divulgado nas redes sociais, esta semana, e ganhou grande repercussão. Na gravação, Ademilson faz um apelo em busca de informações sobre sua mãe biológica, que o deixou ainda bebê.

“Eu amo minha família adotiva, mas preciso conhecer a minha história”, relata ao ACONTECEU. Segundo ele, o que sabe de sua história é que no início dos anos 1980 sua mãe, Neiva de Oliveira, resolveu doar seus filhos por não ter condições de criá-los e seu esposo já não estar mais com ela. Levou então Ademilson até Rita Oroski, mas a criança acabou sendo criada pela irmã dela, Miquilina Oroski, e o esposo Oscar Ribeiro de Souza, que haviam perdido seu filho mais novo há pouco tempo. Ademilson conta que chegou à família doente, mas foi acolhido e cuidado com carinho pelos pais adotivos e os irmãos, Ivete, Ivone, Ester, Hilda, Ilza, Edemar, Osmir e Eziquiel. “Deus me deu uma chance incrível de viver e o mérito disso tudo que me tornei hoje eu devo exclusivamente a essa família, a mais incrível e importante que Deus me deu”.

O garçom diz que já tentou encontrar a mãe e também os irmãos biológicos — que acredita serem três —, mas sem sucesso. A informação que tem é que sua mãe pode estar vivendo em Fazenda Rio Grande, Região Metropolitana de Curitiba. Qualquer nova informação sobre Neiva de Oliveira é bem-vinda e pode ser dada pelo telefone 47 9112 0336. “Procuro a minha família biológica para poder construir a minha história, para saber os reais motivos, para fazer a minha base. Eu quero muito achá-la”.

Comentários

Leia também:

Prefeito, vice e vereadores tomam posse em Antonio Olinto

Posse em Antonio Olinto

02 de janeiro de 2017

sem-titulo-1

Retrospectiva 2016

23 de dezembro de 2016