Copel afirma interesse na implantação de termelétrica em União da Vitória

18 de setembro de 2015

Projeto de usina movida a biomassa conquistou ramo madeireiro da região e Companhia indica providências para inscrição em leilão da Aneel

 

12017737_949153678478079_1810957523566744034_oFoto: Assessoria PMUVA

 

Um novo passo foi dado no projeto para instalar uma usina termelétrica movida a biomassa em União da Vitória. Na semana passada, o deputado estadual Hussein Bakri trouxe a informação de que a Companhia Paranaense de Energia (Copel) autorizou a instalação, mostrando interesse e indicando as providências a serem tomadas para o desenvolvimento do projeto.

A proposta de geração de energia, que prevê a produção de 30 a 50 megawatts, deve suprir uma região com aproximadamente 90 mil habitantes, e beneficia a indústria madeireira da região, pois propõe a utilização de restos de madeira originada de reflorestamento, aproveitando os resíduos no entorno de cerca de 150 quilômetros da usina.

A resposta da Copel indica a necessidade de projeto conceitual, projeto ambiental, licenças e outorgas, documentação necessária à participação do projeto no leilão de energia da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Caso sejam iniciadas as atividades de desenvolvimento do projeto em outubro de 2015, os estudos preliminares apontam viabilidade de inscrição e habilitação no leilão de energia de 2016.

Bakri, que intermediou os contatos com a Copel junto à Prefeitura e demais interessados, estima geração de empregos e movimentação da cadeia produtiva. “Nossa região sempre foi madeireira, mas com a crise instaurada há algum tempo, alguns produtores com menos condições estavam fechando suas portas. Esta usina poderá ser um recomeço para eles”.

Mostrando interesse na produção de energias renováveis, a Copel avaliou positivamente a oportunidade de negócio. “A região em questão se notabiliza desde o passado pela produção e beneficiamento da madeira, possuindo uma indústria organizada capaz de garantir o fornecimento de combustível”.

Comentários

Leia também:

Prefeito, vice e vereadores tomam posse em Antonio Olinto

Posse em Antonio Olinto

02 de janeiro de 2017

sem-titulo-1

Retrospectiva 2016

23 de dezembro de 2016